Equipe

Painel Orbi #06 – As marcas transparentes

Painel Orbi - Marcas transparentes

Diante das transformações decorrentes do cenário macro ambiental (que envolve o tecnológico, econômico, social, ambiental, político…) e das novas relações que os públicos têm construído com as organizações, surgiu o fenômeno das marcas transparentes. Assim, as mudanças contemporâneas fizeram nascer o termo glass box brands (marcas caixa de vidro) cunhado pela TrendWatching em 2017. Essa perspectiva já tem revelado suas características e possíveis caminhos. Bora conhecer essa tendência no Painel Orbi #06 de hoje?

Black/glass box brands

Antes, uma marca era encarada como uma caixa preta: era muito difícil ver o que se passava lá dentro. Contudo, hoje um negócio está mais para uma caixa de vidro, pois é possível enxergar quase tudo que ocorre lá dentro: desde processos, pessoas e até sentimentos. Como isso aconteceu? Graças à transparência radical do mundo conectado. 

Dessa forma, uma marca se torna tudo que é visível: toda pessoa, cada valor e a todo momento. E quando as pessoas passam a ver com profundidade o que é perceptível, enxergam sua cultura. Logo, falar em cultura interna parece não fazer mais sentido, pois com as marcas transparentes [quase] tudo pode ser percebido do lado de fora também.

Logo, a cultura interna passa a ser voltada também para o cliente e se torna uma parte importante da marca. Sendo assim, pode se transformar em um ativo de marketing mais poderoso. Por outro lado, também pode ser a maior responsabilidade da organização. Um exemplo citado pelo relatório, é o poder das histórias, como as da Starbucks que possui programas especiais para seus funcionários.

Como surgiram as marcas transparentes?

Três pontos básicos têm gerado o surgimento das glass box brands. O primeiro e já bem conhecido é a conectividade que alimenta a transparência radical. A TrendWatching aponta três implicações desse efeito:

  1. Os funcionários agora esperam documentar e compartilhar suas vidas online;
  2. Cada vez mais a rotina do dia a dia é capturada em vídeo em tempo real ou transmitida ao vivo;
  3. Os consumidores agora esperam saber – ou ser capazes de descobrir – quase tudo sobre as marcas com as quais se relacionam.

Outro ponto relevante é o consumo significativo, que também é mais ético e sustentável. Dessa maneira, os consumidores estão em busca de produtos que promovam um consumo mais limpo e saudável. Assim como, as escolhas de compra são cada vez mais sobre como criar uma história de identidade pessoal, conectando os valores das pessoas com os das marcas.

Por fim, a terceira questão envolve a desigualdade social, globalização e automação das atividades dos empregados. Ou seja, as pessoas estão se preocupando com o bem-estar social mais amplo e como os funcionários são tratados. Tudo isso dá origem a um novo modelo de trabalho e mentalidade sobre as marcas transparentes. O que fazer nesse contexto? Continue lendo o conteúdo e saiba as direções que o relatório fornece!

Marcas transparentes e mudanças poderosas

Pensar as marcas e o relacionamento com os consumidores nessa perspectiva da caixa de vidro deve estimular mudanças poderosas. Contudo, tenha em mente que nenhuma marca é totalmente transparente e que o conjunto complexo de associações vai além da cultura interna. Essa mudança veio para ficar, por isso a TrendWatching lança um questionamento: você é tão bom que quando os consumidores enxergarem seus aspectos desagradáveis da cultura interna, eles continuarão com você?

Diante desse cenário, é preciso compreender que nenhuma cultura interna é perfeita, muito menos estática, visto que evolui e muda com o tempo. Portanto, comece a tomar medidas que melhorem sua cultura interna e faça mudanças culturais positivas. Além disso, comunique e conte essa história de forma assertiva para o mundo, a qual pode ser uma parte fundamental da sua marca. Assim, fará as pessoas se sentirem bem com seu negócio e se envolverem ativamente.

Por hoje é isso: gostou do nosso conteúdo sobre marcas transparentes? Conta nos comentários o que você pensa sobre essas transformações. Se quiser saber mais, pode acessar este formulário para ter acesso a todos os conteúdos do Painel Orbi. Para continuar a leitura sobre marcas, sugerimos o conteúdo que elaboramos sobre organizações e pessoas que se conectam com os seus públicos. Até a próxima! (:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *